Sal - O grande vilão

Imagem: Retirada da Internet

O cloreto de sódio (nosso sal de cozinha) possui entre outros benefícios, o poder de realçar o sabor das preparações e é um excelente conservante de alimentos, um dos preferidos da indústria.

Mas, o problema é justamente o excesso deste mineral. Enquanto a Organização Mundial de Saúde- OMS preconiza o uso de 5 a 6 g/dia, o brasileiro consome o dobro, aproximadamente 12g/dia.

O consumo exagerado de sal pode favorecer a algumas complicações para nossa saúde e nosso bem estar. O sal é um dos grandes vilões das doenças no mundo, pode dar hipertensão, doenças cardíacas, retenção de líquidos, estrias, celulites, atrapalha na absorção do cálcio pelo osso, o crescimento de crianças e adolescentes, atrapalha o ganho de massa muscular em atletas e praticantes de atividade física. É muita coisa ruim para falar do sal e por esses motivos que está se tornando o grande vilão.

E o pior de tudo é que muitas vezes consumimos sódio em excesso, sem nem percebermos. A maioria dos alimentos, com alto teor de sódio encontra-se nas prateleiras dos supermercados. O sal por ser um excelente conservante de alimentos e realçar os sabores destes, normalmente é bastante utilizado pela indústria justamente por ser barato.

Resolvi mostrar para vocês, de forma ilustrativa, alguns alimentos industrializados altamente ricos em sódio. Para isso, observei o rótulo nutricional de cada um e converti a quantidade de sódio em cloreto de sódio (nosso sal de cozinha), ficando assim mais fácil para observarmos quanto de sódio tem um determinado alimento. Pois bem, convertendo em sal, temos os 5 campeões em sódio:

1. Macarrão Instantâneo - Contém 4,6 g de sal - 1 pacote individual

2. Caldo de Carne - Contém 4,8 g de sal - 1 tablete

3. Caldo de Legumes - Contém 5,6 g de sal - 1 tablete

4. Tempero para arroz - Contém 6,5 g de sal - 1 sachê

5. Tempero pronto frango assado - Contém 10,4g de sal - 1 pacote ► O CAMPEÃO

E aí, muito sal não é? =O Também fiquei abismada quando vi. Essa foi uma pesquisa que desenvolvi ainda na faculdade, mas que acho que valeu a pena confirir de novo e mostrar pra vocês. É uma forma de visualizarmos melhor essa questão do sódio contido nos alimentos. Espero que tenham gostado!!!

Beijão e bom início de semana a todos!

Raiane

Tags: 

Leia também

Comentar

Plain text

  • Nenhuma tag HTML permitida.
  • Endereços de páginas de internet e emails viram links automaticamente.
  • Quebras de linhas e parágrafos são feitos automaticamente.
By submitting this form, you accept the Mollom privacy policy.
 

De bem com a balança

Todos os direitos reservados ©